Follow falcon_dark on Twitter
Google

domingo, fevereiro 08, 2009

Mais de um ano de férias

É assim que você poderia chamar esse período pelo qual fiquei “afastado” do meu projeto pessoal mais interessante: o Livre Acesso. Vou usar meus primeiros parágrafos para falar disso. O Livre Acesso me deu muito prazer e tenho uma boa dose de culpa por deixá-lo de lado tanto tempo. Gosto de pensar que este blog foi relevante por algum tempo. Algumas postagens chegaram a sites de expressão como o Notícias Linux, o BR-Linux. E até fui convidado para participar como colaborador permanente do Meiobit. Naquela fase eu tive mais leitores do que nunca e comecei a deixar de lado o meu blog Livre Acesso. Então muitas mudanças na vida pessoal e no trabalho necessitaram da minha energia e não consegui dar a esses projetos o tempo que deveria.

Saí do Meiobit, não por opção própria que fique claro. E deixei de escrever sobre software livre. E deixei de fazer isso porque o software livre foi perdendo espaço em minha vida profissional, a tal ponto que o único Linux ao meu redor era um servidor de arquivos e mídia que acabou perdendo sua placa mãe. Esse servidor não foi reposto, e um HD externo assumiu seu lugar. Meu antigo notebook, um HP Compaq nx6115, foi substituído por uma máquina mais parruda e com sérios problemas de APIC onde o Linux só roda com sérias restrições. Não senti muitos problemas nisso, pois a máquina serve para trabalhar... em ambiente Windows. Meu empregador usa apenas Windows XP, de cima abaixo (exceto por alguns servidores UNIX que estão fora do meu escopo), e Microsoft Office, incluindo o terrível Outlook que alguém no marketing da Microsoft insiste em chamar de software de e-mails.

O fato é que minha rotina de trabalho não dá margem a flexibilizações e mesmo meu notebook pessoal roda Windows (dessa vez o Vista) pois não raro levo trabalho para casa após e expediente. Rodar o Access 2007 no Wine não é algo prazeroso e com o tempo que tenho acabei ficando acomodado demais para lutar contra isso da forma que eu gostaria. Entretanto não posso negar que tem sido uma experiência enriquecedora trabalhar por dois anos apenas com sistemas Microsoft: tenho hoje mais argumentos do que nunca para explicar porque não suporto o que Redmond faz e chama de software. Tudo é não-intercompatível, excessivamente cheio de bugs tolos, lento, tendente a travamentos, e mentalmente paralisante no universo da Microsoft. Vi de tudo, desde Access anunciando falta de memória em x86 com 3GB de RAM por não saber tratar adequadamente tipos de variáveis até Outlook congelando com a queda da conexão TCP/IP enquanto baixa arquivos do Exchange e corrompendo o arquivo .PST por isso.

Mas estou falando sobre tudo isso para explicar essa ausência. Como eu poderia falar sobre software livre sem usar software livre no dia a dia? Esses fatores juntos colocaram o projeto do Livre Acesso de lado e mesmo agora, com um novo artigo, eu não sei dizer se “retornei” de verdade. Mas minha rotina agora me dá espaço para colocar um Linux em meu notebook novamente, principalmente porque meu empregador me disponibilizou um portátil para andar comigo, e agora meu note pessoal pode voltar a usar o que eu quero e não o que tenho que usar.

Follow falcon_dark on Twitter
Google
Comments:
Está de volta, então? Ótima notícia! :)
 
Espero que sim! ;-) Mas de todo modo é bom ver algum comentário novo por aqui.

Um abraço.
 
Deixei esse tempo todo o seu blog inscrito no netvibes já achando que não voltaria mais e eis que reaparece.
Acho que devem ter outros interessados assim como eu no seu retorno.
Quem sabe anuncia sua volta no BR-Linux?

Abraços.
 
Que bom, estou migrando no netvibes para o google reader (na mão, pois o netvibes não exporta p... nenhuma) e seu blog estaria de fora do meu novo leitor de rss justamente por falta de atualizações. Mas agora, eis que surge ums resquício de esperança!
Espero que você volte a escrever, nem que seja exporadicamente. Acompanho você desde o comecinho do MeioBit, quando este ainda prestava, mas sempre fui usuário de Windows.
Agora, estou migrando para linux na empresa e em casa também, e seria muito bom ter artigos comos os seus para me manter informado/atualizado nesta nova empreitada.
Abraços.
 
Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?