Follow falcon_dark on Twitter
Google

terça-feira, fevereiro 15, 2005

Microsoft é sempre Microsoft

A Microsoft através de seu sócio fundador Willian Gates III, vulgo Bill, teria ameaçado a Dinamarca com o fechamento de 800 vagas na empresa dinamarquesa Navision, adquirida pela Microsoft, caso a Dinamarca posicione-se contra as patentes de software na Europa. O debate sobre patentes de software vêm ocorrendo e a votação de uma legislação já foi adiada várias vezes.

Esse tipo de comportamento da empresa de Redmond não surpreende ninguém que esteja familiarizado com suas negociatas e politicagens e mostra que o governo brasileiro agiu bem ao recusar um encontro pretendido entre Bill Gates e Lula. O fato todo teve cobertura do jornal The Inquirer e do Groklaw. Uma chamada em português foi feita no br-linux.

Com esse tipo de "argumento" da MS fica claro para mim que cada vez mais outros governos do mundo seguirão os passos do governo brasileiro e irão adotar o software livre, até para verem-se livres desse tipo de chantagem barata. E a Microsoft processou Sérgio Amadeu por dizer que ela [a MS] age como um traficante de drogas. Talvez Bill Gates quisesse dizer a Lula que se o Brasil optasse por software livre a MS quebraria seus joelhos. ;-)

Follow falcon_dark on Twitter
Google
Comments: Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?